Menu
A+ A A-

Dr. Mário Heringer quer democratizar assistência odontológica Destaque

Hoje é celebrado o Dia do Dentista e as ações do deputado federal Dr. Mário Heringer (PDT/MG) também abrangem essa importante área da Saúde. O Projeto de Lei 3.607, apresentado em 2015, prevê a obrigatoriedade de realização de exames odontológicos em pessoas atendidas por orfanatos e creches em todo território nacional.

“A prevenção é a melhor maneira de se evitar inúmeras doenças causadas pela cárie e gengivite, duas das principais afecções odontológicas diagnosticada na maioria da população brasileira. O objetivo desta proposta é tornar cada vez mais participativo e atuante o Poder Público na prestação da saúde pública, além de se constituir um meio eficaz e preventivo para diminuir problemas decorrentes de tais dificuldades”, explica o deputado federal Dr. Mário Heringer, presidente do PDT de Minas Gerais.
No mesmo ano de 2015, o Projeto de Lei (PL) 886, apresentando também pelo DR. Mário Heringer, trata de tornar obrigatória a instalação de “setor destinado a prestação de serviços de odontologia nos Hospitais públicos e dá outras providências". O PL 886 está com parecer favorável na Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF).
Assistência necessária
Em Minas Gerais, chega a 50% o total de crianças do Estado, na faixa de cinco anos, que apresentaram pelo menos uma cárie. As informações são de estudo do Ministério da Saúde, divulgado em 2010. Entre 65 e 74 anos, 83,7% dos mineiros já apresentaram a perda de pelo menos um dente, indicou o ministério.
Um outro dado que chama atenção diz respeito aos jovens entre 15 e 19 anos que nunca visitaram um dentista: 13,6% Na faixa dos 12 anos, a taxa brasileira é ainda maior: 18% nunca estiveram em um consultório odontológico.
No Brasil, 54% das crianças na faixa de 5 anos apresentam pelo menos uma cárie. A mesma pesquisa indicou que 76,5% de pessoas com mais de 65 anos e menos de 74, em todo Brasil, utilizam algum tipo de prótese dentária.
PLP 192/2015
Além de preocupar-se com a assistência odontológica, Dr. Mário Heringer age para desburocratizar a vida dos profissionais. O Projeto de Lei Complementar 192, apresentado em 2015, prevê a inclusão de consultórios no Regime Especial Unificado de Arrecadação de Tributos e Contribuições devidos pelas Microempresas e Empresas de Pequeno Porte - Simples Nacional.

 

 

 

Última modificação emQuarta, 25 Outubro 2017 00:18
voltar ao topo